Educação: Namoro

Um conjunto de textos sobre educação e namoro. Pela sua ligação ao amor capaz de formar uma família, o qual é essencial na vida e na felicidade, o namoro é muito importante na vida de uma pessoa. Conhecer bem uma pessoa com a qual podemos vir a compartilhar de forma especial a vida.


Há rapazes que testam a namorada

Há rapazes que testam a namorada: se ela aceitar ter relações, então não é séria e não serve para casar (embora sirva para ter relações). Uma rapariga não pode estar certa do estado de espírito do rapaz e das suas disposições, se ele não assumiu um compromisso público (casamento) com ela. Dizer “amo-te loucamente, tu és diferente, nunca senti nada assim, eu nunca estive assim, etc” é a coisa mais fácil do mundo, sobretudo quando se está interessado em ter prazer grátis.

Ler o texto completo

Só 16% dos rapazes disseram que o fizeram por amor

E para que não haja dúvidas, num inquérito de 1994 apurou-se o seguinte: cerca de 45% das raparigas afirmaram que tiveram a primeira relação sexual por amor. Só 16% dos rapazes disseram que o fizeram por amor. Enquanto, nas raparigas, amor foi de longe a primeira razão, nos rapazes amor aparece em terceiro lugar. Em primeiro lugar (com cerca de 30%) aparece a curiosidade, enquanto que nas raparigas só 13% aceitaram ter relações por curiosidade.

Ler o texto completo

Muitas raparigas pensavam que aquela relação era de namoro

Em Portugal foram feitos dois estudos semelhantes. Num deles, perguntou-se aos jovens com quem tinham tido relações sexuais pela primeira vez; a maioria dos rapazes disseram que foi com uma amiga, enquanto praticamente 65% das raparigas disseram que foi com o namorado.

Ler o texto completo