As razões dadas para ter relações com o namorado são afinal óptimas razões para casar e ter relações com o marido (e não antes):
1. Medo de perder a relação. Para o resolver o melhor é casar. Se algum não quer casar, então o melhor é esperar para ver… sem relações!
2. Pensar que todos o fazem. É verdade, quase todos os casados têm relações sexuais. Antes de casar nem sequer metade o fazem.
3. Não querer parecer fora de moda, antiquado/a. Na relação entre namorados pode contar muito a opinião alheia. Na vida do casal conta nada.
4. Pensar que é o passo seguinte da relação. De facto é: o passo seguinte ao namoro é o casamento e depois de se casarem é normal os noivos terem relações sexuais.
5. Buscar afecto e ternura. Depois de casar, tem a vida toda para o procurar e encontrar. Antes de casar, há demasiadas histórias trágicas para que os riscos compensem o lucro.
6. Querer mostrar que ama. Só casa quem ama. Para ter relações sexuais não é preciso amar. A melhor forma de mostrar que se ama é dizer caso contigo.
7. Pensar que assim prenderá o outro. Dada a facilidade em se divorciar, nem casados e sexuados estão presos… quanto mais sem vínculo nenhum! As raparigas aparentemente esquecem-se que as prostitutas são as pessoas mais abandonadas do mundo. E as raparigas fariam bem em perguntar a si próprias se o facto de os rapazes das suas relações não irem a prostitutas, como antigamente, não resulta de terem o mesmo serviço gratuitamente…
8. Aconteceu sem ser previsto. É vulgar no casal; pode ser trágico para os namorados. Feitas as contas, o melhor é casar. Se não pode casar, então não se ponham em condições de que aconteça sem ser previsto.

(João Soares)